Compota de morango



Adoro morangos e normalmente com estes tenho mais olhos que barriga... ou compro caixas grandes e quando chego aos últimos morangos estes já estão a ficar podres, ou compro caixas pequenas mas vou-os poupando para ter durante mais tempo, e vai acontecendo o mesmo. Então o que fazer aquelas metades de morangos que ainda estão boas? Compota de morango! Versão light, claro...
Confesso que não costumo comer compotas pois acho-as sempre demasiado doces, mas o meu marido, que adora coisas docinhas, come sempre compota no pequeno-almoço (como sou eu que compro, claro que são Light!), por isso esta é também uma forma que poupar! Mas fazendo compota caseira consigo ajustar o teor de açúcar (e de calorias) e fazer a compota de acordo com o meu gosto (mas também o dele). E sabe tão bem ouvir que está boa e que “esta é tão vermelhinha!” e saber que é caseira e sem aditivos :-D.
Esta receita dá para um frasco de cerca de 350ml. Pode fazer mais, mas como tem pouco açúcar, o tempo de conservação desta compota é menor do que o de uma compota normal. Não sei se dura mais tempo do que 1 semana sem se estragar, pois esse é o tempo que dura até acabar 1 frasco dessa compota cá em casa, somos dois a utilizá-la ao pequeno-almoço (o marido em doses consideráveis) e eu ainda a coloco no iogurte natural que levo para os lanches (fica uma delícia!).
Aqui está a receita da minha compota de morango:

5kcal por colher de chá

Ingredientes:
Preparação:
Lave e corte os morangos em bocados pequenos. Coloque num tacho, juntamente com a água e o açúcar e deixe cozinhar em lume brando durante cerca de 30minutos. De vez em quando vá mexendo. No final passe tudo com a varinha, deixe arrefecer um pouco e coloque num frasco esterilizado. Leve ao frigorífico com a tampa aberta para arrefecer mais rapidamente e feche a tampa só quando a compota estiver fria.

Etiquetas: , , , ,